José Aparecido dos Santos , Secretário de Estado da Produção Rural do Amazonas, deu posse na manhã desta sexta-feira, 06, a João Medeiros Campelo, novo Diretor Presidente do Instituto de Desenvolvimento do Amazonas – IDAM. A Cerimônia foi realizada na sede do Sistema Sepror e contou com a presença dos funcionários , além da presença de alguns prefeitos e ex-prefeitos de cidades do interior do Estado. Em meio à expectativa das mudanças que normalmente ocorrem nas mudanças dos gestores, José Aparecido e João Campelo  convocaram os colaboradores do sistema Sepror para o desafio de um  ano. “Eu sei da dor do homem do campo. Fui seringueiro, agricultor e pescador. Preciso da ajuda de vocês para melhorarmos a vida dessas pessoas e ajudar o Amazonas”, disse Campelo em seu curto discurso de apresentação. O Secretário da Sepror foi mais detalhista. Aparecido disse entre outras coisas que o Amazonas precisa parar de importar produtos que já deveria estar produzindo como o Cheiro-Verde, Tambaqui e Mandioca.  Disse também que necessita da ajuda de todos os colaboradores para que cada três meses desse governo, equivalham a um ano dos demais e que haverá um investimento forte na mecanização da produção do estado. “Vamos plantar sabendo o que vamos colher.  Aumentar a eficiência produtiva no que já existe e por isso precisamos do empenho e comprometimento de todos” , disse o Secretário. Sobre inovações, José Aparecido garantiu que o Governador Amazonino Mendes está atento às necessidades atuais do Setor Primário do Amazonas e  que há um esforço governamental para a implantação de uma indústria de farinha. “Tentaremos executar esse projeto em área já apresentada ao Governador. Essa indústria vai desde a plantação da mandioca até o empacotamento, que garanta 80 toneladas por dia de produção, na área do Juruá”,  finalizou José Aparecido.